2.11.06

A florir

numa das estufas do Jardim Botânico de Coimbra: "A Rainha-dos-nenúfares" (Victoria amazonica) ontem, antes da primeira noite.


«Existe uma história lindíssima entre os índios da Amazónia que explica o aparecimento da Victoria amazonica. Conta a lenda que uma índia chamada Naiá apaixonou-se por Jaci, a lua.(...) » Ana, in A Paixão dos sentidos> cont.a ler "A estrela dos lagos"

Ver: GalleriesVictoria amazonica

5 comentários :

Badala disse...

Olá. Eu também gosto imenso de plantas. Já fotografei esta, mas ainda sem florir. Se quiseres dar uma vista de olhos podes ir ao meu blog e espreitar na página de Abril.
Um abraço.

ci4cc disse...

Não é propriamente um comentário ao post, mas ao blog em geral: - este blog é uma delícia!

Pedro disse...

A mesma flor só que mais de perto.

Pedro.

Manuela disse...

Obrigada pelos comentários!

Badala ;-) fui ver as fotos : vêem-se muito bem as folhas. Não resisto e desta vez trancrevo a descrição da Ana Ramon «As suas folhas que parecem bandejas redondas podem atingir os 2m de diâmetro. Possui nervuras na sua parte inferior, ajudando-a a flutuar, tendo uma borda de 5 a 10cm que evita a entrada da água que poderia provocar o seu apodrecimento. Para evitar encher-se com a água das chuvas, possui um canal a meio da folha que orienta a água até 2 fendas que tem na borda.»

Pedro, a foto está muito boa e vem mesmo mesmo a calhar. Quando é que foi tirada? No mesmo dia do passeio? Eu opto por andar com uma máquina leve, sem zoom e muitas vezes arrependo-me.
Obg.

Pedro disse...

A foto foi tirada no passeio.