26.9.07

A ler

«Como é que se descreve uma árvore?
Como é que se explica uma paixão?...
Como é que se explica uma beleza que comove?! »
.
Imperdível a leitura da descoberta da Azinheira Grande pelo Pedro (do Sombra Verde) & amigos:
1- Apaixonei-me por uma árvore!
2- O caminho da redenção
3- 37.7367 N ..7.8215 W
4- Obrigado...

2 comentários :

Pedro Nuno Teixeira Santos disse...

Obrigado pela divulgação. Aqueles textos são dedicados a todos os que amam as árvores mas em particular a vocês...não apenas pelo trabalho extraordinário que têm feito na divulgação do nosso património arbóreo mas porque, neste caso concreto, também anseavam por conhecer a localização da árvore.

Como escrevi na "sombra...", há azinheiras maiores mas esta tem qualquer coisa de especial...até pela localização. Façam a viagem, valerá a pena.

Um abraço

as-nunes disse...

Também fui fazer uma visita. mas à "sombra".
A persistência do Pedro é fantástica. E eu que já começo a ser conhecido pelo "maluquinho das árvores" aqui pelos meus lados, quando me tenho limitado a fotografar o que me vai surgindo aos olhos e/ou seguindo uma ou outra pista, aqui pelas redondezas!
António