6.9.07

Rose she-oak


Allocasuarina torulosa

Quando aqui falámos da árvore-da-tristeza (Casuarina equisetifolia), não sabíamos que as árvores do jardim da Casa Burmester já tinham sido realojadas noutro género da família Casuarinaceae. Estão agora classificadas como Allocasuarina torulosa, referindo-se o epíteto específico às verrugas (do latim torulus) que os cones, pequenos barris, exibem.

Ao contrário da C. equisetifolia, esta é uma espécie dióica (há árvores dos dois sexos); e, no Verão, a parte mais bonita deste conjunto de três é a árvore masculina, coroada de inflorescências que pintam a copa com um tom acobreado, que logo se dissolve copiosamente em pólen. Igualmente vistoso é o tronco, cujas fissuras lembram, na textura e na cor, o dos sobreiros. Os cones das fotos ainda não abriram; libertarão em breve sâmaras lustrosas com uma asinha transparente.

O jardim da Casa Burmester, que pode ser visitado em qualquer dia da semana, pertence à Universidade do Porto, e forma, na rua do Campo Alegre, um contínuo verde com o jardim do Círculo Universitário (Casa de Primo Madeira) e o Jardim Botânico.

Sem comentários :