18.3.10

Pickle Cactus



Delosperma echinatum Schwantes

A designação desta planta tem uma história curiosa. Esteve no género Mesembrianthemum, termo inventado em 1684 por Breyne e que deriva do grego mesembria (meio-dia) e anthemon (flor), em alusão ao facto de as suas espécies então conhecidas só abrirem a flor a essa hora do dia. Quando se descobriram outras com floração nocturna, o nome do género tornou-se obsoleto e Dillenius, em 1719, habilmente renomeou-o Mesembryanthemum. Mudando o i para y, alterou a derivação para o grego mesos (meio), embryon (embrião) e anthemon, referindo-se agora à posição do ovário. Este grupo dividiu-se entretanto em numerosos subgéneros, como o Delosperma (de N.E. Brown, em 1925), denominação que abriga umas 170 espécies e se baseia nas características do fruto: a combinação dos termos gregos delos (visível) e sperma (semente) indica que a cápsula que contém as sementes não tem tampa, deixando-as expostas.

A floração desta suculenta - não é um cacto, apesar das folhas tomentosas e do epíteto echinatum (como um ouriço) - é longa mas o horário de abertura das flores é rígido (do meio-dia ao fim da tarde) e a ameaça de céu geralmente muito nublado fá-las encerrar o expediente. Mantendo-se firme neste princípio, e engrossando os caules e as raízes sempre que se sente fragilizada pelo ambiente, vive calmamente uns vinte anos ainda que em zonas altas (onde podem ocorrer neblinas matinais, acentuadas descidas da temperatura mínima e formação de geadas) ou em locais com risco de incêndios. Mas precisa de um recanto soalheiro, solo bem drenado e muita água, perecendo facilmente sem uma rega regular. Por isso as folhas estão pejadas de borbulhas, vesículas que retêm água para as emergências, uma solução que os cactos abreviam nos espinhos.

Na África do Sul, de onde é nativa, faz parte do cabaz das plantas que trazem boa sorte. Os guerreiros zulus acreditam no seu poder de previsão das investidas do inimigo e de protecção nas batalhas, bastando para tanto um banho aromatizado com esta planta.

1 comentário :

Anónimo disse...

Belas fotos. Parabéns!
Eu vou passando.

a) flordocardo