12.6.10

O insecto vê-se ao espelho


Ophrys vernixia Brot.

Há duas formas desta orquídea que quase se confundem, a O. speculum Link (ou O. ciliata Bivona-Bernardi) e a da foto. Apreciam ambas solos calcários - mas a O. speculum abunda no sul da Europa e região mediterrânica, enquanto que a O. vernixia é ibérica e rara, restringindo-se ao centro de Portugal, Algarve e Andaluzia. Para fortalecer a nossa perplexidade, têm uma época de floração conjunta (Março a Maio). Mas não são gémeas, há diferenças bastantes para não errarmos a identificação. Para que as colija, compare a nossa foto com a da O. speculum que surripiámos ao Insectos a florir.

A mais significativa é a cor da penugem no labelo (azulado e envernizado, com um bordo laranja glabro, para imitar o dorso de abelha) e a das pétalas (as orelhinhas, junto aos dois pseudo-olhos) que na O. vernixia são mais claras do que na O. speculum. Além disso, na O. vernixia o labelo tem uma curvatura mais acentuada e divide-se em dois lóbulos laterais (como dois bracinhos) que são mais compridos, estreitos mas não achatados, torcidos a meio e abertos. O que não se consegue ver nas fotos, mesmo pondo-as lado a lado, é que a O. vernixia é um pouco mais alta e esguia.

As duas hibridam ocasionalmente, e há exemplares que não seguem exactamente o figurino da sua espécie; por isso a realidade nem sempre se conforma a este arrazoado. Mas em tais casos, leitor atento, não deixe de registar o evento porque é pouco frequente.

4 comentários :

Maria da Luz Borges disse...

Fantástico!
As coisas que fico a conhecer convosco!
Muito obrigado
Luz

Maria da Luz Borges disse...

PS. Eu sempre tive o hábito de observar o que me rodeia, mas desde que vos conheço olho para o mundo com muito mais atenção!
Bom fim de semana
Luz

biodivers©idade disse...

A natureza na perfeição...

Lara disse...

Gabo o fotógrafo que tira as fotos de vosso blog são um deleite para a vista ... realmente