22.8.12

Erva-loira de Melgaço



Senecio doria L. subsp. legionensis (Lange) Chater

Nomes vulgares: nenhum em português; em castelhano: barra de oro, lengua de perro, orval
Ecologia: prados húmidos e margens de ribeiros, por vezes sob coberto de árvores caducifólias
Distribuição global: endemismo do noroeste peninsular (se não se reconhecer a subsp. legionensis, como fazem alguns autores, a distribuição é muito mais ampla, abrangendo Marrocos e estendendo-se da Península Ibérica à Itália e à Europa central)
Distribuição em Portugal: planalto de Castro Laboreiro
Época de floração: Junho-Julho
Data e local das fotos: 30 de Junho de 2012, aldeia do Rodeiro, Castro Laboreiro
Informações adicionais: herbácea perene que pode superar 1,6 m de altura, quase glabra, com folhas de margens inteiras e capítulos florais com poucas "pétalas"; a sua presença no extremo norte de Portugal já tinha sido assinalada nas floras de António Xavier Pereira Coutinho (1939) e de Gonçalo Sampaio (1947), mas Amaral Franco, no vol. II da sua Nova Flora de Portugal, "corrigiu" essa referência para Senecio nemorensis subsp. fuchsii, cuja ocorrência no nosso país é incerta; só em 1999, com este artigo (PDF), é que a verdade foi reposta
Nota: esta é a primeira de uma série de cinco fichas semanais dedicadas a plantas do género Senecio em Portugal (veja também: S. vulgaris, S. pyrenaicus e S. lusitanicus)

Sem comentários :