6.10.15

Sementes de Portugal


Numa época em que a jardinagem quase desapareceu dos nossos espaços públicos (mesmo dos lugares a que, por hábito, continuamos a chamar jardins), cabe à iniciativa privada não permitir que Portugal seja o país menos florido da Europa. E a inspiração pode vir-nos dos lugares onde a natureza ensaia, sem a nossa ajuda, as mais inesperadas combinações de cores e formas. Trazer para os jardins as plantas dos campos é a a ideia luminosa que move este projecto de João Gomes, que agora lança o seu catálogo de sementes revisto e aumentado para 2015-16, abrangendo cerca de 400 espécies da nossa flora. Para mais informações, consulte o blogue das Sementes de Portugal.

1 comentário :

ZG disse...

Ainda bem que continua a haver catálogos de sementes em Portugal!
E para jardinagem, nada como usar as nossas plantas autóctones - a nossa flora garrida e tão rica, como bem dizia o grande A. R. Pinto da silva!