12.6.05

Dos Jornais: Árvore de Camilo vai ser protegida

«Câmara quer transformar local num marco da passagem do escritor pela Maia - Na freguesia de Barca, junto à igreja paroquial existe uma árvore muito especial, uma vez que se pensa ter sido plantada por Camilo Castelo Branco. Um "louro cerejo", como é designado pela população, que vai ser protegido pela Câmara Municipal da Maia. Uma notícia que foi avançada pelo JANEIRO em 2002, mas que só neste Verão se deverá concretizar. » in O Primeiro de Janeiro
adenda
(julho 2007) Ler A Árvore de Camilo in maiacultura — maiacultura

2 comentários :

Ponto Verde disse...

É bom quando as Câmaras mostram esta sensibilidade cultural e ambiental, coisa rara pelo Sul

Alexandre Leite disse...

Coisa rara também pelo norte! É de louvar! (mas mesmo assim fico sempre de pé atrás, ao imaginar as obras no local. São poucas as obras que tenho visto, em que uma máquina não deite abaixo uma árvore da redondeza, ou que não arranque um bom bocado da casca de outra... por exemplo nos Aliados, no Porto, reparem nas árvores onde já foi alterado o chão que as rodeia e contem as que não ficaram com alguma cicatriz!)
Mas claro que aqui no caso era um bocadinho rdículo se isso acontecesse!!! A ideia é muito boa e espero poder lá passar para ver como ficou!