4.6.05

Nota crepuscular

Todos os dias se condena uma árvore sem julgamento. A árvore, rica de tudo, não tem dinheiro com que se defenda.
João de Araújo Correia, in Pó levantado (1970

Sem comentários :