21.7.06

Orelhas-de-leão


Leonotis leonurus

Esta herbácea da horta de Serralves é de origem sul-africana. As folhas são aromáticas, esguias e têm as margens crenuladas. As flores têm as 5 pétalas e as 5 sépalas unidas num tubo penugento laranja cujo topo parece uma orelhinha de leão; o arranjo das inflorescências numa cimeira verticilada é característico do género Leonotis.

A espécie Leonotis leonurus é usada popularmente em infusões para aliviar resfriados, na água dos animais para prevenir doenças e em cigarros como suave narcótico. Pertence à família Lamiaceae (ex-Labiatae), que inclui boa parte das saborosas ervas usadas na culinária mediterrânica e várias herbáceas perfumadas; entre elas, os conhecidos oregão, tomilho, alecrim, manjerona, hortelã, hissopo, rosmaninho, salva, manjericão, menta, marroio, bergamota, erva-cidreira e alfazema.

2 comentários :

bettips disse...

Que lindo encontro. Gosto destas descobertas! Acho que os meus olhos ficaram mais "acurados" desde que vos conheço.

Vera do Val disse...

Belissimas essas flores. N as conhecia, nunca as vi aqui no Brasil.