21.11.04

As notícias que ninguém dá



Fotos: pva 0411 - Porto - camélias em S. Lázaro e no Jardim Botânico

«Vivemos numa sociedade que é uma verdadeira informo-esfera, a qual, todavia, se evidencia como um instrumento mais fácil para desconstruir, desinformar e obliterar a verdadeira cultura humanista do que para praticar isto que costumo dizer aos meus alunos: quando é que a televisão e as primeiras páginas dos jornais abrirão com uma notícia a dizer: Hoje nasceu uma flor no jardim da minha vizinha. (...) Quando disse isto a primeira vez, foi uma gargalhada na aula; hoje, ficam inquietos, porque ainda não ouviram essa notícia.»

E. M. de Melo e Castro entrevistado por Maria Augusta Silva, do livro Poetas Visitados, Edições Caixotim, 2004

Notícia anterior da mesma série aqui

Sem comentários :