18.5.05

Lilases-da-Índia


Foto: pva 0505 - conteira (Melia azedarach) no Largo da Maternidade - Porto

As conteiras estão em flor. Mesmo em praças que há muito não recebem a visita de um jardineiro. Como o Largo da Maternidade, que, por falta de flores e de cuidados, não é o jardim alegre que poderia ser. Ali as tílias são alvo infalível da equipa de podadores, que as deixam feias e debilitadas; mas os canteiros e alegretes permanecem caixas de terra pobre onde plantas raquíticas, com a poluição e a sujeira a pesar em cada folha, combatem pela sobrevivência com a hera diabólica sempre à espreita da sua oportunidade.

Supomos que a Divisão de Parques e Jardins da Câmara não tem verbas para acudir a todos os espaços verdes da cidade (e a lista de espera é longa e embaraçosa: Campo 24 de Agosto, Marquês, Horto das Virtudes, ...); infelizmente aqueles que poderiam complementar o magro orçamento da Câmara mais depressa contribuem para substituir calçadas portuguesas que não incomodam ninguém.

As conteiras estão perfumadas, de copa linda arroxeada, folhagem nova e algumas continhas do ano passado. Assim nos perdoam o descuido.

Sem comentários :