4.10.05

Flores de papel



A buganvília, da família Nyctaginaceae, é uma trepadeira de crescimento rápido e vigoroso, com folha perene, ovalada e pontiaguda, que pode atingir porte arbóreo e optar por um regime de folha caduca em períodos breves no Inverno. O tronco é lenhoso, castanho-claro; os ramos são espinhosos e o seu arranjo é denso, pendente e de franja espetada e longa. Sul-americana de origem, preferindo zonas tropicais, adaptou-se bem às varandas e floreiras ensolaradas em clima mediterrânico, sendo até tolerante a geadas.

O género Bougainvillea - nome que homenageia o navegador francês Louis Antoine de Bougainville (1729-1811) - tem cerca de duas dezenas de espécies muito apreciadas pela floração terminal abundante e de cores muito vistosas (vermelho, slamão, rosa, violeta, laranja, ferrugem, branco, ...). As brácteas parecem folhas que mudaram de cor (notam-se até as nervuras) e adquiriram textura de papel; agrupam-se em trios formando chapéuzinhos de três bicos; no centro de cada um aninham-se três flores amarelas ou brancas (as três-marias) que são pequenos cálices estrelados na ponta. Revelando uma notável economia de meios e eficiência na reciclagem de materiais, a buganvília utiliza ainda estas brácteas como planadores para transporte das sementes.


Fotos: pva 0510

1 comentário :

inquieta disse...

No Brasil são conhecidas tb como "primaveras". Estão em quase todas as casas, encarapitadas nos muros.São lindas!!!!