29.8.06

Sensitiva



Pergunto a Deus se estou viva,
se estou sonhando ou acordada.
Lábio de Deus! - Sensitiva
tocada.


Cecília Meireles, Noite (in Mar absoluto e Outros poemas, 1945)



A Mimosa sensitiva é uma leguminosa tropical cujas folhas se retraem ao contacto (os folíolos opostos das folhas aproximam-se) conhecida no Brasil como arranha-gato, malícia, maria-fecha-a-porta. Ou sensitiva, palavra com presença recorrente na obra da pastora de nuvens, a poetisa da mudança, do transitório e da morte.

2 comentários :

Angelica disse...

Aqui na minha região (Rio de Janeiro) eu a conheço como dormideira. Muito bom este blog!!
Aproveito para parabenizar todos que mantem este espaço.
Abraços

bettips disse...

Mesmo em férias, não deixam de olhar o mundo que nos rodeia, com esse olhar de minúcia e amor, oferecendo-o a nós, simples mortais do asfalto. E os poemas que sempre se enquadram nas imagens, uma maravilha. Abç