25.5.08

Pedradas


Paphiopedilum sp.


«Amodorrado, que posso eu fazer para vencer este frio, esta pedrada de frio?

Saco de água quente no regaço, ao alcance da mão o bagaço, (...) trazer, atada à nuca, uma pedra de gelo.

Quando a pedra derrete, o que só acontece muitas horas decorridas, o frio que, então, se sente é, praticamente, calor.»

Alexandre O'Neill, Já cá não está quem falou (Assírio & Alvim, 2008)

1 comentário :

Paulo disse...

Também fiquei gelado.