18.5.06

Cabaz tropical



Natureza morta com frutas (1873), de Agostinho José da Motta (1824-1878). Exibe apetitosas peças de abacate (fruto da Persea americana), goiaba (Psidium guajava), jaca (Artocarpus heterophyllus), carambola (Averrhoa carambola), pêra-de-água (Syzygium saramangense), anona (Annona squamosa) e uma fruta desconhecida, a das bolinhas rubras no topo, que os leitores brasileiros amigos destas iguarias talvez identifiquem imediatamente.

6 comentários :

Rui Pedro disse...

Mirtílios?

Maria Carvalho disse...

Ou talvez um ramo de planta de café.

Caramelo disse...

Pelo formato do fruto e pela folha, parecem ser jambos.
Quanto à anona, se tomando em conta o que é a anona, entre nós, e o que é a fruta representada - a que os brasileiros chamam "pinha" - sérá que se trata da mesma fruta?. É que, nem no sabor, nem na forma (os "gomos" da pinha projectam-se para fora, à semelhança das pinhas do pinheiro manso) nem no aroma, nem na textura da polpa, as frutas são iguais.

Maria Carvalho disse...

Guardo da minha infância lembrança deste tipo de anona, que no lugar onde vivi se chamava sap-sap (mas noutros ouvi ser chamada fruta-pinha ou fruta-do-conde, embora saiba hoje que alguns deste nomes se referem de facto a espécies distintas do género Annona). Tenho por isso poucas dúvidas quanto a esta identificação.

Esta pintura refere-se a uma época em que muitos fazendeiros brasileiros enriqueceram com o café, e puderam patrocinar as artes. Por isso creio ser de algum simbolismo que um ramo da planta de café coroe este quadro de abundância - realçada pela jaca anafada no centro, em posição refastelada de quem repousa depois de um festim.

Acrescente-se que a folhagem e bagas da pintura se assemelham muito às do cafezeiro...

bs_freitas disse...

É pinha mesmo,a grande é Jaca,as bolinhas são café,tem uma li no canto vermelha que é jambo,abacate...

bs_freitas disse...

em cordem da esquerda para a direita:

Abacate,café,jaca,goiaba,carambola,jambo,pinha