13.7.04

Pinheiro do Paraná #1

Fotografia: S. Miguel de Seide > - Famalicão
A araucária-do-Brasil (A. angustifolia) não é tão frequente em Portugal como a sua congénere Araucaria-de-Norfolk (A. heterophylla) , mas vai-se encontrando em algumas quintas e jardins, sobretudo no Norte.
A designação actual da espécie, que já foi denominada A. brasiliensis, deve-se ao facto das suas folhas serem estreitas ("angusti" em lat.).

No Brasil, onde aparece nada menos do que na bandeira de um estado (Paraná) e de sete municípios (Araucária , Curitiba, Ibaporã , Irati , Pinhalão , S. José dos pinhais ), são muito variadas as suas denominações, podendo citar-se entre outras: curi, curiúva, pinheiro-araucária, pinheiro-são-josé; os nomes mais correntes em Portugal são araucária do Brasil, pinheiro-brasileiro e pinho ou pinheiro do Paraná.
O nome da capital deste estado, Curitiba, deriva justamente da expressão em língua tupi: "curi" (pinheiro ) e "tiba" (muito, abundante).

Enquanto que a nossa preocupação pelos exemplares que vão resistindo à urbanização e destruição dos jardins pode ser considerada um tanto ou quanto diletante, no Brasil o assunto é bem mais sério e prende-se com a sobrevivência das florestas originais.
Ver por exemplo: S.O.S Araucárias
......................................................................................................................................
"Paraná" - Através do Brasil ; "O maior e mais belo exemplar ..." (em Portugal)

6 comentários :

marco disse...

Linkei vocês, parabéns!
www.meioambienteurgente.blogger.com.br

manueladlramos disse...

Viva Brasil!

Anónimo disse...

exelente, vejam meu blog também:
http://www.biologo.com.br/ecologia/ecologia2.htm

Marcos disse...

bonitas esses pinheiros (Araucaria angustifolia) de Portugal, eu poderia dizer que a imagem é de um planalto do sul.
Satisfaçam uma curiosidade minha, eles frutificam aí? Meu pai plantou um aqui no Brasil trinta e quatro anos atrás, nunca produziu uma pinha, como a planta é dióica acho que nosso exemplar é um macho.

Robson Freire disse...

Maravilhoso seu BLOG...
Hoje pude observá-lo melhor, com um pouco mais de atenção.
Parabéns, seu material, seu conteúdo é uma dádiva para todos que, como eu, amamos a natureza e as árvores!!!
Seu texto sintético e preciso sobre nosso Pinheiro-do-Paraná está magnífico!!
Sou apaixonado por esta espécie. Ainda não vi, mas logo vou procurar fotos dela aí em Portugal. Eu não sabia que poderia haver alguma de nossas Araucárias aí na "terrinha"...
Anos atrás conversei com um professor francês e lhe perguntei: "-há Araucaria angustifolia na França?"
Ele me respondeu prontamente: "-NÃO!! Não as existem em França..."

Abraços a todos!!!

Anónimo disse...

Não quer dizer araucária do Paraná? Nunca ouvi essa denominação "do Brasil".