18.10.04

Más notícias #1

Inauguramos, com bastante relutância, este novo tipo de posts.
Esperemos que não sejam em maior número que as Boas Notícias (ver #1).
Hoje, e para já, temos duas: a primeira brada aos céus!
(Post Scriptum: remeto para o comentário de leitura obrigatória...)
Quinta dos Ingleses despida
Árvore cai na Praça da República

1 comentário :

Paulo Araújo disse...

Vale a pena comparar a notícia do JN com a que saiu, a 28 de Julho de 2004, no semanário "Matosinhos Hoje"

http://www.matosinhoshoje.com/index.asp?idEdicao=163&id=8746&idSeccao=1858&Action=noticia

Desta última, transcrevo parte da propaganda ao empreendimento feito pela empresa imobiliária (infelizmente não identificada): "Na tranquilidade
paisagística do parque urbanístico, foram projectadas pelo arquitecto Bernardo Ferrão nove habitações de qualidade exemplar, com a integração de uma automação
doméstica (domótica), conjugando a estética arquitectónica com a perfeita integração no meio ambiente, preservando o palacete e os exemplares arbóreos existentes no mesmo".

Ganhámos alguma coisa com esta leitura: temos mais um exemplo de como o descaramento de alguns promotores imobiliários não tem limites, e ficamos a saber o nome do arquitecto que aceitou projectar a destruição de um valor patrimonial e ecológico único de Leça da Palmeira.

A Câmara de Matosinhos, como é óbvio, não sai ilesa deste negócio. Afinal a educação ambiental em que as relações públicas camarárias tanto se empenham
nada tem a ver com a preservação dos espaços verdes? De tanto atendermos aos graves ploblemas globais, esquecemos as barbaridades que se praticam diante
dos nossos olhos, com a cumplicidade daqueles que julgávamos estar do nosso lado?