28.11.05

O cedro momumental do Hotel Grão Vasco (Viseu)

.

Cedro-do-Atlas (Cedrus atlantica) classificado de interesse público em 1965, no jardim do Hotel Grão Vasco em Viseu.

Ernesto Goes no seu livro sobre Árvores Monumentais de Portugal diz que este cedro-do-Atlas centenário "deve ser o maior do País". Será?
Salvou-se graças ao arquitecto António Viana Barreto como se transcreve na Gazeta Rural (Viseu-1.08.2004) : «"O cedro atlântico que se mantém junto ao Hotel Grão Vasco estava previsto ser sacrificado pela abertura de nova avenida de acesso ao Rossio". Ora o que este fazedor de paisagem acabou por propor foi o desvio da dita avenida e a manutenção do cedro hoje considerado imóvel de interesse público.»
Na publicação do Instituto Florestal sobre árvores classificadas as informações sobre esta árvore monumental são as seguintes: altura total- 34,oo m; circunferência a 1,30 m- 4,80 m; diâmetro médio da copa- 29,00 m; idade provável- centenária.

4 comentários :

ver disse...

Bom dia Manela

Ora aqui esta' a prova que a diferenca entre arquitectos e arquitontos nao so' existe como se manifesta fisicamente no mundo dito real.

Nao desanimes!
Os arquitontos, mais do que ninguem, precisam de pessoas como tu. ;-)

manueladlramos disse...

E eu, e nós, de amig@s como tu que não se limitam a passar e gostam de comentar e que nos animam com a energia e o entusiasmo do que escrevem.
Abraço

Anónimo disse...

em frente à casa de mateus em vila real também há um cedro monumental com mais cem anos... não tenho é a certeza se é da mesma espécie que a que referem aqui.

manueladlramos disse...

Esse cedro do Solar de Mateus em Vila-Real, (que segundo Ernesto Goes foi plantado em 1870) é um Cedrus deodara . Logo que tiver oportunidade publico a fotografia! Obrigada pela lembrança.