3.2.06

O podão do hospital

.

Circunvalação- Rolagem em eucaliptos (e sobreiro) no Hospital Magalhães Lemos (Porto)

Pergunto a mim mesma o que pensarão as pessoas que diariamente passam pelo Hospital Magalhães Lemos. Os que lá trabalham, os que precisam de lá ir por motivos de saúde, os que como eu simplesmente passam. Será que reparam, que se espantam? Acharão normal, aceitável? Sentir-se-ão de algum modo afectados?
Alguém pedirá contas ao ignorante* que fez este serviço? Será o mesmo que anteriormente decepou o sobreiro que se vê na foto do lado esquerdo? Ou a insensibilidade e a ignorância de quem encomentou e de quem executou são do mesmo calibre?
Infelizmente é apenas mais um caso para o Dias sem árvores- lá ficará registado.

(*Ia usar o termo besta mas confirmei aqui que é mesmo insulto assim como todos os seus sinónimos...)

3 comentários :

Quinta do Sargaçal disse...

É horrível. E este ano está particularmente mau, ou então como tenho mais conhecimentos, estou mais sensível a estas enormidades.
Podia acrescentar a Casa de Saúde da Boavista ou o condomínio Ach Brito na Avenida da França. Mas há muitos mais maus exemplos, incluindo particulares, principalmente pseudo-jardins de prédios.

Eduardo disse...

Infelizmente, a praga espalha-se por todo o país. Há uns anos atrás, os jardineiros da CM Lousã liquidaram dois plátanos enormes com um "poda" deste género.

manuel castelo ramos disse...

E infelizmente, a propósito de podas (rolagens) de plátanos, mais este caso, agora em Alcantarilha (Silves). Podem lê-lo, e vê-lo, aqui.
http://sacodosdesabafos.blogspot.com/2006/02/ser-poda-um-crime.html