10.9.04

Fruta na cidade

Dia de sol!
De passagem pelo Botânico e pelo jardim da FPUP fomos ver as 'sa-zan-kas'
(sim, já estão em flor, mas não tanto como em S. Roque).



Também lá "aperitivámos" maçãs (e não umas quaisquer: Bravo-de-esmolfe, as minhas preferidas)
e medronhos!
A seu tempo hão-de amadurecer as nozes e os ouriços "arreganhar",
entretanto, sabe bem este fim de Verão!

6 comentários :

Anónimo disse...

Hmmm... Com que então maçãs Bravo-de-esmolfe? Dessas não me deu ela a provar. Será que Ele já as tinha criado?

Adão (adam@exit.eden.com)

manueladlramos disse...

Ela,Ela...
Agora estou a pensar na polémica questão de qual teria sido o fruto que Ela comeu e ofereceu ...
Se realmente tivesse sido um figo, o fruto proibido (tão molinho...), o Adão não teria ficado com ele entalado, pois não?

Anónimo disse...

qual é o jardim da fpup?
outro dia fui pela primeira vez ao jardim botânico. espectacular. agora quero ver se consigo ir lá outra vez mas numa visita guiada.

Anónimo disse...

só para dizer q era eu no post acima
vitorsilva
no.weblog.com.pt

manueladlramos disse...

O jardim da FPUP-Faculdade de Psicologia da Universidade do Porto (ex-Faculdade de Letras). Fica mesmo ao lado do Botânico e tem dois portões sempre abertos (menos à noite).

manueladlramos disse...

O jardim da FPUP-Faculdade de Psicologia da Universidade do Porto (ex-Faculdade de Letras)fica mesmo ao lado do Botânico e tem dois portões sempre abertos (menos à noite).