21.11.06

O Jardim das Virtudes no Dias com árvores- índice

1 comentário :

asn disse...

A propósito de árvores e em resultado da ansiedade em que ando depois de me ter informado, por alto mas já o suficiente para fazer uma ideia negativa do tipo de árvores que os do Programa polis de Leiria, resolveram plantar aqui no Centro, no nosso Rossio.
As palavras estão a sair instintivamente, peço desculpa pelo eventual atabalhoamento.
-
As árvores, para mim, são seres vivos, elas olham-nos, elas falam-nos, transmitem-nos memsagens de vida e de saudade.
E sofrem, cada vez mais. O Homem, esse estupor da Natureza, não quer ver que faz parte integrante dela. O Homem acha-se um ser para além da Natureza. O Homem é um Burro, cada vez mais burro, sem ofensa para o animal que tem este nome.
Como não podia concordar com a arborização das nossas áreas, que não só as de pousio e baldios,mas também as áreas urbanas, com espécimens autóctones, que serão essas as que poderão resistir melhor aos incêndios e às alterações climáticas?!
Sou completamente a favor da plantação e/ou sementeiras de árvores. Cada dia que passa sem que se tome a iniciativa corresponde a uma oportundade perdida para a vida da humanidade e deste planeta!
Estamos à espera de quê, insensatos que deteis o poder de decidir sobre a vida e a morte das árvores, quantas que são, pura e simplesmente abatidas sumariamente,só porque se vos atravessam ao caminho?